Nota Informativa – Ações Asfabe x Banco Santander

Recife, 15 de dezembro de 2020

No dia de ontem, a Asfabe por meio de seus advogados, ingressou com diversas medidas judiciais, objetivando restaurar todas as Liminares que foram concedidas pelo Poder Judiciário, e que ao longo de 12 anos garantiram inúmeros e legítimos direitos, os quais, recentemente, por decisões prolatadas por Juízo de Central de Agilização de Processos da 23ª Vara Cível da Capital, lhes foram subtraídos de forma ilegal e sem qualquer apoio jurídico.

Acrescente-se, ainda, que dentre os diversos direitos que também lhes foram assegurados, incluíam-se os que foram outorgados pelo próprio Egrégio Tribunal de Justiça de Pernambuco, que igualmente foram afrontados.

Como pano de fundo dessas arbitrariedades assim cometidas, está o Banco Santander S/A, que assim orquestra com impiedoso plano de atingir a BANDEPREV, visando seja o apoderamento de seu patrimônio, seja a extinção de seu excelente quadro de funcionários, ou, por final, a própria transferência da Fundação para o Estado de São Paulo.

Diante desse odioso processo de desmantelamento de Entidade que diga-se, por oportuno, é reconhecidamente superavitária, e mais, para garantir o pagamento dos benefícios de todos os seus Participantes, não recebe qualquer valor do Banco Santander S/A.

Por todas essas razões, a Asfabe, por seu Presidente, Reginaldo Dias Alves da Silva, cumprindo fielmente seu reafirmado dever de defender e adotar todas as medidas que estiverem ao seu alcance, material e financeiro, para restaurar, junto ao Poder Judiciário, todos os violados direitos que foram desconhecidos, conforme descrito, cumprindo dessa forma os deveres de seu honroso mandato junto a Asfabe.

Reginaldo Dias Alves da Silva

“Diretor Presidente”